Quanto custa para tirar um CNPJ?

Quanto custa para abrir firma? Leia o artigo e descubra essa e outras informações importantes para sua empresa.
 Otávio Hoffmann  |      18/07/2022
Capas-Inscrição Estadual34.jpg

Uma das dúvidas mais comuns para quem quer investir em um negócio é “Quanto custa para abrir firma?” Se você também precisa desses valores para se organizar, veio ao artigo certo. Trouxemos tudo que deve ser considerado antes de registrar sua empresa.

Empreender é o sonho de muitos brasileiros que querem conquistar a independência financeira e ter uma rotina flexível. Quem não quer ter qualidade de vida e mais tempo com a família? Sem dúvidas, esses retornos chegam com os esforços. Porém, você precisa se doar com mais intensidade nos primeiros meses, correndo atrás da documentação e fazendo alguns investimentos.

É por isso que saber como ter um CNPJ quanto custa para tirar é importante para você se preparar!

CNPJ quanto custa para tirar e legalizar o negócio?

Você precisa ter um CNPJ para abrir uma empresa. Esse documento é obrigatório e emitido pela Receita Federal para quem quer formalizar seu próprio negócio e atuar de acordo com as leis do país. A boa notícia é que, apesar de ser uma obrigatoriedade, é muito fácil obter seu Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica.

O custo médio para abrir uma empresa e ter um CNPJ varia de acordo com o Estado. O gasto com documentação e contador costuma variar entre R$ 500,00 até R$ 1500,00 - tudo vai depender do quanto você pode investir. Existem algumas taxas fixas necessárias, por exemplo, o valor da Junta Comercial, pois você precisa ter registro da empresa por lá para conseguir o documento.

A Junta Comercial funciona como uma espécie de cartório para constituição de empresas. É lá que o Contrato Social e o Requerimento de Empresário são registrados. Os valores desses serviços mudam em cada região, o mais indicado é conferir a tabela no site da sua cidade.

Apesar das taxas para abrir o CNPJ serem fixas, vale a pena considerar os custos que vêm depois da abertura. Por exemplo, se você for ter uma sede física, terá que arcar com a manutenção do espaço e as contas mensais, como aluguel, funcionários, conta de água, luz, telefone, contador e impostos.

Os gastos iniciais para tirar a documentação são:

  • DARE (Documento de Arrecadação de Receitas Estaduais): permite ao contribuinte recolher tributos e demais receitas públicas estaduais.
  • DARF (Documento de Arrecadação de Receitas Federais): um guia que serve para arrecadar os impostos, contribuições e taxas que estão embutidas nas operações financeiras.
  • Junta Comercial: existem algumas taxas para abertura que variam de acordo com a natureza jurídica escolhida.
  • Certificado Digital: ele funciona como uma carteira de identificação virtual e permite que você assine documentos à distância com o mesmo valor jurídico da assinatura feita de próprio punho no papel, mas sem precisar reconhecer firma em cartório.
  • Acompanhamento: contar com o apoio de um profissional da área contábil faz toda diferença! Ele te acompanhará no processo de abertura e, sem dúvidas, evitará gastos desnecessários.

CNPJ quanto custa para tirar de acordo com a natureza jurídica escolhida

MEI

Abrir um CNPJ de Microempreendedor Individual é gratuito. A única despesa é o pagamento mensal do Simples Nacional. Independentemente do valor das notas fiscais que você lançar no mês, ou até mesmo se optar por não emitir, o valor mensal continua sendo apenas o correspondente à sua área de atuação.

EIRELLI

A média de investimento para abrir um CNPJ EIRELI é de R$ 287,00 contando com serviços de contabilidade. Pode colocar na conta os R$ 129,90 do certificado digital e a taxa da junta comercial, que varia a partir de R$ 160,00.

Os custos para abrir uma EIRELLI podem variar um pouco de acordo com a taxa e certificado digital que você escolher e da quantidade de sócios. É interessante fazer esse planejamento antes de começar o processo de abertura.

EI

O empresário individual é aquele que exerce em nome próprio uma atividade empresarial. Essa é a modalidade mais simples: basta ter um valor mínimo no caixa de R$1.000,00 e o limite de faturamento anual é de R$4.800.000,00.

SLU

A Sociedade Limitada Unipessoal é um modelo empresarial que também permite que o empreendedor atue sozinho, ou seja, sem precisar de um sócio. O custo para abrir uma SLU depende muito da categoria profissional, em média, com R$ 640,00 você pode abrir sua empresa.

Quanto custa abrir CNPJ no Simples Nacional?

O Simples Nacional é um dos regimes tributários mais populares! Pode ser que você já esteja com ele em mente, por isso, vamos falar detalhadamente sobre os custos para abrir o CNPJ nessa modalidade.

No Simples Nacional, as empresas são tributadas com base no faturamento e no tipo de atividades que exercem. As alíquotas para pagamento de impostos variam de 4% a 19,50% sobre o faturamento mensal.

O Simples Nacional inclui os seguintes impostos:

  • IRPJ – Imposto de Renda Pessoa Jurídica;
  • CSLL – Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido;
  • COFINS – Contribuição para Financiamento da Seguridade Social;
  • PIS – Programa de Integração Social;
  • IPI – Imposto Sobre Produtos Industrializados;
  • CPP – Contribuição Previdenciária Patronal;
  • ISS – Imposto Sobre Serviços;
  • ICMS – Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços.

Quais os documentos necessários para abrir um CNPJ?

Já escolheu a natureza jurídica da sua empresa? Então vamos preparar os documentos!

Acompanhe a lista do que você deve apresentar:

  • RG e CPF;
  • Comprovante de endereço;
  • Certidão de casamento de quem for casado;
  • Cópia do IPTU ou documento que indique a inscrição municipal do imóvel onde será instalada sede da empresa.

Importante: Se você pretende ter sócios, precisa providenciar a documentação deles também, pois todos os dados devem ser apresentados no momento da abertura do CNPJ.

Algumas atividades ou situações podem exigir documentos adicionais, tudo vai depender da estrutura do seu negócio. De qualquer forma, com os itens acima você já está bem encaminhado.

Qual o capital necessário para abrir um CNPJ?

Quando for contabilizar quanto custa abrir CNPJ, você precisa levar em consideração o capital social disponível para montar o negócio. Essa é a soma do valor necessário para montar e manter uma empresa em funcionamento, até que ela comece a gerar retorno para o empresário e seus sócios.

Não há uma regra ou lei que estipule o capital social mínimo para abertura de uma empresa. Cabe a você, empreendedor, estimar quanto investirá para montar o seu negócio. Isso varia de acordo com o segmento de atuação e os produtos ou serviços oferecidos.

Algumas empresas conseguem se manter com um capital reduzido, enquanto outras podem exigir investimentos milionários. Na verdade, isso é muito particular. Só você, com todo o conhecimento do seu contexto e projetos, poderá dizer.

O que significa e quanto custa para abrir firma?

Esse é um termo bastante utilizado na rotina empresarial. O reconhecimento de firma serve para garantir que uma assinatura pertence mesmo à pessoa que está assinando o documento. Ele é fundamental para garantir a segurança nas negociações e impede que alguém negue a própria assinatura.

Na prática, a abertura de firma é o registro do padrão da assinatura de uma pessoa em um Cartório. De acordo com o artigo 1.634, inciso V e artigo 1.690, quem é maior de 16 anos e menor de 18 anos pode abrir firma, desde que emancipado ou com a assistência do pai e da mãe.

O valor para abrir firma no cartório de notas gira em torno de R$ 6,00 e para reconhecimento fica entre R$ 8,00 e R$16,00 dependendo da tabela de custos e taxas de cada estado. Verifique na sua região a média do preço, assim consegue se programar para quando precisar do serviço.

Vale a pena calcular: outros valores envolvidos na abertura da sua empresa

Quando o assunto é quanto custa abrir CNPJ, você precisa incluir as contas mensais necessárias para manter o negócio em funcionamento.

Para sua empresa funcionar em um espaço próprio, será necessário arcar com os seguintes custos:

  • Aluguel ou aquisição de imóveis comerciais;
  • Despesas com água, luz, telefone e internet;
  • Custos com contador;
  • Custos com computadores e sistemas de informática;
  • Investimento em campanhas de marketing e vendas;
  • Custos com a aquisição de mercadorias, insumos e o pagamento de fornecedores;

Conhecer quanto custa abrir CNPJ e montar uma empresa é fundamental para projetar o potencial de retorno do negócio e o valor de venda dos produtos e serviços a serem ofertados.

Ficou claro para você quanto custa para abrir firma e tirar o CNPJ da sua empresa? Então, dê o próximo passo e invista no seu próprio negócio. Empreender é um caminho desafiador, mas que tem trazido ótimos resultados para quem se formaliza e segue firme em seus objetivos. A melhor hora é agora!

Se você ainda tem dúvidas sobre o assunto, converse com um de nossos Heros. Estamos prontos para te auxiliar no que for preciso!

otavio-hoffmann-company-hero.png
Otávio Hoffmann
Redator

Outros artigos | Abrir CNPJ